Vale e companhia chinesa vão construir fábrica no Maranhão

A Vale do Rio Doce e a Baosteel Shanghai, a maior fábrica siderúrgica da China, planejam construir uma fábrica no Maranhão, segundo comunicado conjunto das empresas. A expectativa da nova fábrica é produzir 3,7 milhões de toneladas de placas de aço por ano, com a possibilidade de ampliar para 7,5 milhões de toneladas por ano.As companhias alemãs Ferrostaal e a chinesa Cisdi foram contratadas para estudar a viabilidade do projeto. Segundo a nota da Vale, a Arcelor, a maior siderúrgica do mundo, também estaria interessada em participar do projeto.De acordo com a nota, a Baosteel informa ser a aliança a primeira de numerosas que a indústria siderúrgica da China pretende fazer para "beneficiar-se da capacidade brasileira de produzir aço com baixos custos".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.