Vale não planeja fechar unidade de níquel em Nova Caledônia, diz executivo

A Vale não tem planos de encerrar as suas operações de níquel em Nova Caledônia em meio à agitação social causada por um vazamento de efluentes, a companhia disse a um jornal local.

Reuters

26 de maio de 2014 | 21h24

Um diretor-executivo da Vale, Peter Poppinga, disse que estimava danos ao local de mineração de pelo menos 20 milhões a 30 milhões de dólares, incluindo a destruição de caminhões e equipamentos de mineração.

O governo da província do Sul da Nova Caledônia ordenou a suspensão imediata das operações no início de maio e ainda precisa comunicar sobre quando a Vale poderá retomar suas atividades.

(Por Cecile Lefort)

Tudo o que sabemos sobre:
COMMODSVALENIQUEL*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.