Valor da cesta básica em SP sobe 0,63% em 1 semana

O valor da cesta básica paulistana subiu 0,63% entre os dias 14 e 20 deste mês, passando do preço médio de R$ 358,57 em 13 de setembro para R$ 360,83 no dia 20. Os dados são de pesquisa realizada pela Fundação Procon-SP em parceria com o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese).

BEATRIZ BULLA, Agencia Estado

24 de setembro de 2012 | 15h33

Na análise dos últimos 12 meses - comparação com 20 de setembro de 2011 -, o valor da cesta básica subiu 11,82% em São Paulo. No mês de setembro, do dia 1º ao dia 20, a alta foi de 2,38%.

Dentro da lista de 31 produtos analisados pela pesquisa, 22 tiveram alta de preço. Na divisão por grupos de produtos, Higiene Pessoal subiu 1,79%, Alimentação também teve alta, de 0,64%, e Limpeza caiu 0,46%.

Os itens que mais pressionaram o aumento no valor da cesta básica na capital paulista foram, em ordem, pacote de 5kg de arroz (0,12%), quilo da batata (0,11%), leite em pó integral (0,11%), papel higiênico fino branco (0,10%) e frango resfriado inteiro (0,10%).

Sem considerar o peso na cesta, a lista de produtos que aumentaram de preços foi encabeçada pela batata, cujo quilo subiu 4,15%. Na sequência, vêm linguiça fresca (kg), que subiu 3,99%, papel higiênico branco pacote com 4 unidades (3,91%), quilo da cebola (3,85%) e pacote de 500g de macarrão com ovos (3,70%).

Entre as maiores quedas, estão extrato de tomate (4,95%), unidade de sabão em barra (2,17%), quilo do alho (1,34%), pacote de 5kg de açúcar refinado (1,02%) e água sanitária (0,93%).

Tudo o que sabemos sobre:
Proconcesta básicavalor

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.