Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Varejo do país garante recorde de vendas no 1o semestre

A forte demanda domésticagarantiu ao setor varejista brasileiro novo recorde de vendasna primeira metade do ano, mostraram dados divulgados nestaquinta-feira. As vendas do comércio no país cresceram 1,3 por cento emjunho ante maio, o que garantiu um ganho de 10,6 por cento noprimeiro semestre informou o Instituto Brasileiro de Geografiae Estatística (IBGE). O avanço apurado na primeira metade do ano é o maior járegistrado pelo IBGE desde o início da série, em 2001. A altaem junho foi a maior apurada desde janeiro, quando as vendas dosetor cresceram 2 por cento. Na comparação com o mesmo período do ano passado, as vendasdo setor apresentaram uma taxa de expansão de 8,2 por cento.Nos últimos 12 meses, o setor acumula um ganho de 10,1 porcento em suas vendas. A receita nominal do setor cresceu 2,5 por cento entre maioe junho, acumulando no primeiro semestre uma alta de 15,9 porcento. Nos últimos 12 meses, a receita teve um avanço de 14,5por cento. O Banco Central tem alertado sobre o forte ritmo da demandadoméstica, um dos componentes do repique inflacionárioregistrado este ano. Por conta do aumento dos preços, o Comitê de PolíticaMonetária (Copom) do BC iniciou em abril um ciclo de apertomonetário, com o objetivo de trazer a inflação de volta aopatamar de 4,5 por cento a partir de 2009. A taxa básica de juro do país, a Selic, subiu de 11,25 porcento para 13 por cento, desde abril. (Reportagem de Rodrigo Viga Gaier; Texto de RenatoAndrade)

REUTERS

14 de agosto de 2008 | 09h24

Tudo o que sabemos sobre:
IBGEVAREJOJUNHOATUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.