Varejo em São Paulo dá sinais de reaquecimento

Mantendo a trajetória dos meses anteriores, o movimento das consultas ao Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC) e ao UseCheque, indicadores da Associação Comercial de São Paulo (ACSP), registrou crescimento em julho na cidade de São Paulo, ante igual período do ano anterior.Para o presidente da ACSP, Guilherme Afif Domingos, os dados evidenciam a retomada do movimento do varejo em 2004, alavancada inicialmente pelo crediário, embora já se constatem sinais de uma lenta recuperação da renda.As consultas ao SCPC da entidade apresentaram aumento de 6,9% no mês passado sobre julho de 2003. No UseCheque as consultas cresceram 4,7%, enquanto o acumulado nos sete meses fechou com incremento de 7,0% no crediário e 1,7% nos cheques.InadimplênciaJá a inadimplência vem se mantendo estável graças ao forte movimento de renegociação de débitos que vem ocorrendo, mostrando que o consumidor está mais cauteloso, procurando "limpar o nome" tão logo melhore sua situação financeira.O presidente da ACSP espera que as vendas continuem aumentando com a chegada do Dia dos Pais na comparação com 2003, mas lembra que a data neste ano será no dia 8, enquanto no ano passado foi no dia 10, o que reduz o período para que os consumidores façam suas compras.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.