Variedade hass estimulou exportação

A cadeia produtiva da cultura do abacate no Estado de São Paulo foi tema de mestrado na Unesp de Botucatu. Segundo o trabalho, a produção nacional de abacate concentra-se no Sudeste e o Estado de São Paulo é o principal produtor, com 70.810 toneladas, ou 54% do total nacional. Embora seja o último em volume de produção em comparação às outras variedades consumidas no País - margarida, fortuna, breda, geada e quintal -, o hass é o responsável pelo aumento das exportações da fruta do Brasil. O trabalho da mestranda Carla Dias de Abreu Dorizzotto mostra que as exportações brasileiras de hass saltaram de 100 toneladas em 2004 para 1.690 toneladas em 2009.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.