Varig pode reduzir vôos para Buenos Aires

A Varig está repensando as rota para Buenos Aires por causa da crise econômica no país vizinho, que afetou a demanda por bilhetes aéreos para o Brasil. A diretoria de planejamento está estudando uma alternativa provável é a redução no número de vôos, disse hoje o gerente-geral da Varig no Rio Grande do Sul, Norberto Hoffmann.A Varig realiza nove vôos diários de São Paulo para Buenos Aires. De Porto Alegre, há dois vôos diários rumo à capital argentina, que não deverão sofrer alterações, disse Hoffmann. Ele explicou que uma rota não tem rentabilidade quando apenas uma de suas cabeceiras apresenta demanda.A linha precisa ser alimentada por passageiros dos dois países para obter bom desempenho. "A crise argentina afetou fortemente o tráfego do país para o Brasil", afirmou.

Agencia Estado,

31 de julho de 2002 | 14h44

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.