Varig vende passagens pelo sistema WAP

A cultura do Wireless Application Protocol (WAP) começa a chegar às companhias aéreas. A Varig acaba de criar um sistema de vendas de passagens para a ponte aérea pelo visor dos celulares que tiverem acesso à Internet. A solução foi criada pela divisão IP Mobile da Promon IP e consumiu um investimento de cerca de US$ 1 milhão.A Varig já tem um portal para quem quiser comprar passagens entre Rio e São Paulo, batizado de e-ponte, para a aquisição de bilhetes pelo computador. Com a solução WAP, os usuários poderão acessar a página e-ponte pelo celular a caminho do aeroporto, por exemplo, e garantir sua reserva antes de chegar lá. O sistema criado pela Promon IP permite também aos passageiros da Varig fazer um controle das milhas acumuladas no programa de milhagem da empresa, conhecido com Smiles. Hoje há cerca de 3 milhões de pessoas inscritas no banco de dados da Varig que usufruem das contas de milhagem.A Varig estima que pelo menos 10% dos clientes inscritos no banco de dados têm celular com acesso à Internet. O sistema de vendas pelo celular, que começa no final de dezembro, poderá ser ampliado no futuro para a compra de passagens para todo o País.Empresas internacionais já trabalham com WAPOutras empresas aéreas internacionais também já adotaram a solução WAP para venda de passagens, explica o diretor da divisão IP Mobile, da Promon IP, Rodrigo Parreira. A operadora italiana Omnitel, por exemplo, trabalha em parceria com a companhia Alitalia. Também a FinAir, da Finlândia, trabalha com diversas operadoras do país para empregar o sistema de vendas pelo celular.Parreira confia que a médio prazo uma série de produtos serão vendidos pelo sistema WAP. A Promon IP, por exemplo, está desenvolvendo entre 15 e 20 projetos similares em outros segmentos que entrarão no ar ainda este ano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.