VarigLog e VEM serão negociadas separadamente

O presidente da Varig, Marcelo Bottini, confirmou na tarde desta quinta-feira que há um novo plano para vender separadamente a VarigLog e a Varig Engenharia e Manutenção (VEM). A idéia é que a primeira seja vendida para o Fundo Americano de Investimentos Matlin Patterson e a segunda seja negociada com a estatal portuguesa de aviação, a TAP. De acordo com o executivo, as negociações devem ser concluídas o mais rápido possível.A TAP já havia adquirido as duas subsidiárias da Varig por US$ 62 milhões em novembro. O Matlin Patterson ofereceu após o leilão para melhorar o preço das duas empresas US$ 77 milhões pelas duas companhias, ou então, US$ 55 milhões apenas pela Varig Log. A Docas Investimentos, do empresário Nelson Tanure, que desistiu hoje mais cedo de comprar o controle acionário da Varig, vai entrar na disputa pela Varig Log e pela VEM.Tanure ofereceu US$ 139 milhões pelas duas subsidiárias e promete entrar na Justiça se preciso for. A proposta de Tanure havia sido considerada a vencedora durante o leilão na época em que a Fundação Rubem Berta estava no controle da Varig. Como a SRD foi destituída do poder pela Justiça, a nova administração da Varig desconsiderou a proposta de Tanure, por não cumprir com pré-requisitos estabelecidos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.