Vasp comunica ao DAC suspensão de vôos Rio-São Paulo

Os vôos da Vasp da ponte aérea Rio-São Paulo no Aeroporto Santos Dumont estão oficialmente suspensos a partir desta segunda-feira. A empresa enviou ao Departamento de Aviação Civil (DAC) um documento comunicando a suspensão provisória dos seus vôos naquele terminal. Segundo o DAC, os vôos da Vasp na ponte aérea Rio-São Paulo já vinham sofrendo cancelamentos desde 15 de dezembro, mas somente nesta segunda a Vasp informou a suspensão de suas operações no Santos Dumont. O balcão de atendimento da Vasp no aeroporto não abriu e ninguém da empresa apareceu para prestar informações aos clientes.As telefonistas do Santos Dumont foram orientadas a encaminhar as pessoas que ligam para o balcão da Vasp para as lojas da empresa. No Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim, o primeiro vôo da Vasp, para Fortaleza-Natal-Salvador, saiu às 8h25. Um vôo para São Paulo, previsto para 11 horas, foi cancelado.No balcão de atendimento da empresa no Tom Jobim, os funcionários informaram que o passageiro que tiver o seu vôo cancelado, se desejar, poderá esperar a recolocação em outro vôo ou ir até uma das as lojas Vasp, onde preencherá uma ficha de reembolso do valor pago pela passagem. De acordo com os funcionários, a devolução do dinheiro demora de 30 a 60 dias. Eles confirmaram que os vôos Rio-Recife-Salvador, Rio-Brasília-São Luiz, marcados para 19 horas, e Rio-Fortaleza, com decolagem prevista para meia-noite, também estão cancelados. Os funcionários não souberam informar o motivo do cancelamento. Segundo eles, só a Assessoria de Imprensa da Vasp, em Brasília ou em São Paulo, pode falar sobre o assunto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.