Vazamento em plataforma da Petrobras intoxica seis

Um vazamento de gás carbônico intoxicou e feriu seis funcionários da Petrobrás na plataforma marítima P-43, do campo de Barracuda, na Bacia de Campos, nesta quinta-feira. Segundo a empresa, que comunicou o acidente através de uma nota à imprensa no início da noite, nenhum dos seis técnicos atingidos corre risco de vida. Dois deles foram liberados após exames na própria plataforma e os outros quatro foram levados de helicóptero para o Hospital Público Municipal de Macaé, no litoral do Rio de Janeiro, para avaliação complementar.A nota da Petrobras diz que o acidente aconteceu às 11 horas da manhã, quando os seis técnicos faziam inspeção de rotina na sala onde os cilindros são armazenados. Segundo a nota, o vazamento provocou "intoxicação passageira e ferimentos com baixa gravidade" nos técnicos. Diz ainda a nota que "os profissionais receberam prontamente os primeiros socorros na enfermaria da plataforma". A empresa informou ainda que constituirá uma comissão para identificar as causas do vazamento e que não houve interrupção da produção da plataforma. A P-43 opera no campo de Barracuda, com capacidade de produção de 150 mil barris de petróleo por dia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.