Veículos: juros do parcelamento ficam estáveis

Os juros cobrados no parcelamento do seguro de veículos ficaram estáveis em setembro, em comparação com agosto. Houve alta apenas na média do parcelamento de cinco a sete meses, de 0,04 ponto percentual. Os demais prazos permaneceram com as taxas inalteradas (veja tabela abaixo). Os dados são da pesquisa mensal feita pela Agência Estado entre os dias 11 e 14 de outubro com 12 seguradoras.A seguradora que cobrou os maiores juros para parcelamentos de até quatro meses foi a Marítima Seguros, com 4,50% ao mês para pagamentos com a primeira parcela para 30 dias. Pagando-se a primeira no ato da contratação, a seguradora, como a maior parte das pesquisadas, não cobra juros.Vale lembrar que muitas vezes os juros estão embutidos no preço do seguro. Portanto, o consumidor deve ficar atento e pesquisar preços para não ser enganado com propaganda falsa de juro zero.As maiores taxas para parcelamento de cinco a sete meses foram cobradas pela Companhia de Seguros Minas-Brasil, pela Liberty Paulista Seguros e pela Marítima, com 3,50% mensais. Para parcelamentos de 8 a 11 meses, a Phoenix Seguradora cobrou os maiores juros, de 4,50% ao mês.A Generali Seguros cobrou as menores taxas para parcelamentos de até 10 meses, com 2% mensais. Veja no link abaixo a pesquisa completa com os juros cobrados no parcelamento de seguro de veículos.Tabela comparativa de juros no parcelamento do seguro de automóveis.parcelasparcelassetembroagostomédia (%)mínima (%)máxima (%)média (%)mínima (%)máxima (%)até 43,252,004,503,252,004,505 a73,042,003,503,002,003,508 a 123,512,004,503,512,004,50

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.