Veja como reduzir o IR na declaração de 2002

O contribuinte ainda tem a oportunidade de adotar, até o fim do mês, algumas providências legais para driblar o Leão e diminuir o imposto a pagar ou aumentar o valor da restituição na Declaração do Imposto de Renda 2002, ano-base 2001. Segundo o tributarista Alessandro D´Andrea, do escritório Manhães Moreira Advogados Associados, antes de tomar qualquer decisão, o contribuinte precisa de um planejamento tributário. É pela elaboração de uma prévia da declaração que se terão subsídios necessários para definir quais medidas são mais vantajosas. No caso de despesas médicas, por exemplo, que podem ser deduzidas integralmente na declaração, vale a pena antecipar, para dezembro, os gastos programados para janeiro. Já as despesas que têm limites de dedução devem ser analisadas com cuidado. Se constatar que ultrapassou o limite de um determinado item, não valerá a pena antecipar o pagamento. Mas, se o valor ainda não foi alcançado, poderá ser conveniente adiantar pagamentos que seriam feitos em janeiro. Quem tem filho em idade escolar e neste ano não atingiu o limite de dedução de R$ l.700 poderá antecipar o pagamento da mensalidade de janeiro. Nos planos de previdência privada, o desconto das contribuições está limitado a 12% da renda bruta do contribuinte.

Agencia Estado,

03 Dezembro 2001 | 09h48

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.