EFE
EFE

Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Veleiro Cisne Branco representa o Brasil no encontro ‘Velas Latino-americanas’

Veleiros de oito países se apresentam no Peru, antes de seguir viagem até o México

EFE,

24 de abril de 2014 | 08h15

LIMA - Oito veleiros do Brasil, Argentina, Equador, México e Venezuela chegaram à costa de Lima, no Peru, para a exibição 'Velas Latino-americanas', programada para este fim de semana.

O navio brasileiro é a fragata Cisne Branco, da Marinha, que desempenha funções diplomáticas e de relações públicas em eventos náuticos e também funciona como navio-escola.

A Argentina mandou a fragata ARA 'Libertad' e o catamarã 'Ice Lady Patagonia II'. O Chile participa com o bergantine 'Esmeralda' e a Colômbia com o  ARC 'Gloria'. A Venezuela será representada pelo 'Simón Bolívar'. Já Equador e México enviaram os barcos-escola 'Guayas' e 'Cuauhtémoc'.

A Marinha de Guerra do Peru abriu inscrições pela internet para os interessados em visitar os veleiros e mais de 1,5 mil soldados vão se encarregar da segurança durante o evento.

Em fevereiro as embarcações partiram do Brasil, passando pelo Uruguai, Argentina e Chile. Do Peru elas devem seguir para o Equador, Colômbia, Venezuela, República Dominicana e, por fim, México.

 

Tudo o que sabemos sobre:
VeleirosNavegaçãoMarinha

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.