Venda de álcool cai até 50% em SP

A venda do álcool na cidade de São Paulo sofreu uma redução em função da alta média de 15% do preço do combustível entre a semana do carnaval e a semana passada. Em alguns postos visitados pela reportagem da Rádio Eldorado o consumo caiu quase pela metade.O presidente do sindicato varejista de derivados de petróleo(Sincopetro) de São Paulo, José Alberto Gouveia, disse que a retomada de consumo esperada para março não aconteceu e teme que a queda gere demissões.O consumidor que tem veículo bicombustível tem vantagem na luta contra a alta de preços. Porém, o álcool só é mais vantajoso economicamente se o valor não ultrapassar 70% do preço da gasolina. Nos estabelecimentos visitados pela reportagem, a desvantagem era evidente.A escassez do produto durante a entressafra da cana-de-açúcar e o aumento da demanda por conta do crescimento das vendas de carros bicombustíveis fizeram com que o valor cobrado pelo litro aumentasse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.