Venda de gasolina em outubro é a maior em dois anos

O consumo de gasolina em outubro superou as expectativas de distribuidoras e postos de combustíveis e aumentou em 2% com relação a outubro do ano anterior, informou o presidente da Federação Nacional dos Postos de Combustíveis (Fecombustíveis), Luiz Gil Siuffo. "Foi o melhor mês em vendas nos últimos dois anos", afirmou. Segundo ele, além da recuperação econômica, a suspensão das liminares judiciais que isentavam as pequenas distribuidoras de pagamento de impostos também ajudou no resultado.Para o diretor do Sindicato Nacional das Distribuidoras de Combustíveis (Sindicom), Alísio Vaz, a recuperação das vendas deve se acentuar nos próximos meses. "Não temos mais nenhuma liminar valendo, estamos combatendo fortemente a sonegação, tradicionalmente as vendas aumentam no final de ano e estamos em época de retomada do crescimento econômico, o que deve estimular um pouco mais o consumo", disse. Segundo ele, a perspectiva era de uma queda do consumo de 4% este ano, mas agora "a tendência é de que os últimos três meses amenize esta redução".Segundo a Agência Nacional do Petróleo (ANP), que possui dados só até agosto, a queda nos oito primeiros meses em comparação com o mesmo período no ano passado é de 6,8%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.