Venda de material de construção sobe 16,93% no ano

As vendas da indústria de materiais de construção no mercado brasileiro aumentaram 16,93% entre janeiro e agosto deste ano, na comparação com igual período de 2009, segundo levantamento divulgado hoje pela Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção (Abramat). A performance, de acordo com a entidade, segue alinhada com as expectativas para 2010, que apontam para um crescimento de 15%.

AE, Agencia Estado

21 de setembro de 2010 | 12h18

Em agosto, o índice de vendas ficou 9,86% acima do registrado no mesmo período do ano anterior e 2,58% superior em relação a julho deste ano. No mês passado, o nível de empregos gerados pela indústria cresceu 12,33% ante agosto de 2009 e 0,63% na comparação com julho. No acumulado nos últimos 12 meses, o faturamento do setor apresentou crescimento de 8,08% em relação aos 12 meses anteriores.

Conforme a pesquisa, pela primeira vez em 2010 ocorreu uma inversão quando se divide a produção da indústria entre materiais de base e de acabamento, na comparação entre agosto de 2010 e o mesmo mês do ano passado. Enquanto os fabricantes de itens de acabamento tiveram resultados 14,82% maiores, na indústria básica o indicador ficou em 7,34%.

Melvyn Fox, presidente da entidade, lembra que o ritmo de vendas no acumulado do ano tem desacelerado há dois meses. Com isso, o executivo acredita que esse índice tende a atingir os 15% até o fim do ano. Em nota, a entidade ressalta que os resultados demonstram que o faturamento continua crescendo, mas em um ritmo menor que o observado no primeiro semestre deste ano, porque a base de comparação do segundo semestre de 2009 foi mais elevada que a do primeiro semestre daquele ano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.