bolsa

E-Investidor: Itaúsa, Petrobras e Via Varejo são as ações queridinhas do brasileiro

Venda de veículos bate recorde a dois dias do fim de agosto, dizem fontes

Até esta terça-feira foram licenciados 358.641 veículos leves em 21 dias úteis, 7.231 a mais que o total vendido em julho deste ano 

Wladimir D'Andrade, da Agência Estado,

30 de agosto de 2012 | 19h24

SÃO PAULO - Faltando dois dias no calendário das concessionárias para fechar o mês, as vendas de automóveis e comerciais até ontem, dia 29, já atingiu o maior nível da história do setor automotivo brasileiro, desde 1957. Até esta terça-feira foram licenciados 358.641 veículos leves em 21 dias úteis, 7.231 a mais que o total vendido em julho deste ano, até então o recorde de emplacamentos com 351.410 unidades em 22 dias úteis. Os dados são da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) e foram antecipados à Agência Estado por uma fonte do setor.

Os números de agosto confirmam uma corrida do consumidor às concessionárias para adquirir o automóvel com o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) reduzido, benefício que estava previsto para terminar nesta sexta-feira, 31, mas acabou sendo prorrogado ontem, 29, pelo governo federal até o final de outubro. A média diária de vendas nos 21 dias úteis de agosto chega a 17 mil, bem acima dos números verificados até maio, quando o IPI reduzido foi instituído. Em abril e maio, antes da medida, a média foi de pouco menos que 12,5 mil.

Levando-se em conta a média diária verificada do dia 1.º ao 29 de agosto, o mês deve terminar com um total de, aproximadamente, 392 mil automóveis e comerciais leves emplacados.

Tudo o que sabemos sobre:
Veículosvendasrecorde

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.