Roosevelt Cassio/Reuters
Roosevelt Cassio/Reuters

Venda de veículos novos sobe 13,1% em novembro ante mesmo mês de 2017

Em comparação ao mês de outubro, houve recuo de 9,3%

André Ítalo Rocha, O Estado de S.Paulo

03 Dezembro 2018 | 16h28

A venda de veículos novos cresceu 13,1% em novembro ante igual mês do ano passado, informou nesta segunda-feira, 3, a Federação Nacional de Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave). Foram 230,9 mil unidades vendidas, em soma que considera automóveis, comerciais leves, caminhões e ônibus. O volume, se comparado a outubro, representa queda de 9,3%.

O recuo em relação a outubro se deve à diferença de dias úteis. Enquanto novembro contou com 19 dias úteis, outubro teve 22. Tanto é que, na comparação entre médias diárias, a variação passa a ser positiva em 5%, para 12,1 mil carros vendidos por dia. Novembro de 2017 também teve 19 dias úteis.

No acumulado do ano até o mês passado, as vendas chegaram a 2,33 milhões de unidades, alta de 15% sobre o volume registrado em igual período de 2017.

Os automóveis e comerciais leves, que representam mais de 90% do setor, registraram 221,3 mil emplacamentos no penúltimo mês de 2018, crescimento de 12,2% em comparação a igual mês de 2017, mas queda de 9,5% ante outubro. O ano acumula 2,24 milhões de unidades vendidas, avanço de 14,1%.

Entre os pesados, as vendas de caminhões atingiram 7,7 mil unidades em novembro, expansão de 41,1% ante igual mês do ano passado, porém recuo de 2% na comparação com outubro. De janeiro a novembro, foram 68,8 mil unidades emplacadas, alta de 49,9% em relação a igual intervalo de 2017.

Os ônibus tiveram 1,8 mil licenciamentos no mês passado, alta de 28,8% em relação a novembro de 2017. Ante o resultado de outubro, no entanto, o segmento teve queda de 10,1%. O ano acumula 17,2 mil unidades vendidas, crescimento de 27,4% em relação a igual intervalo do ano passado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.