Washington Alves/Estadão
Washington Alves/Estadão

Venda de veículos tem queda de 23% no ano

Em agosto, a comercialização de veículos novos caiu 11,2% em relação ao mesmo mês do ano passado

Cleide Silva, O Estado de S.Paulo

01 Setembro 2016 | 15h55

As vendas de veículos novos em agosto caíram 11,2% em relação ao mesmo mês do ano passado, mas foram 1,37% superiores ao volume de julho, segundo dados da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave). 

Foram vendidos no País 183,9 mil automóveis, comerciais leves, caminhões e ônibus no mês passado. Em agosto de 2015 os negócios somaram 207,2 mil unidades e, em julho passado, 181,4 mil unidades.

No acumulado de janeiro a agosto, as vendas da indústria automobilística estão 23% inferiores ao número de veículos comercializados no mesmo intervalo do ano passado, com 1,348 milhão de unidades.

Média diária. Na comparação mensal, apesar da alta de 1,37% em relação a julho, o resultado é negativo quando confrontada com a venda diária, pois agosto teve 23 dias úteis, enquanto julho teve 21. Nesse comparativo, há uma queda de 7,4%. Já em relação a agosto de 2015, que também teve 21 dias úteis, a queda é de 20%.

A General Motors manteve a liderança de mercado no mês, com 30,7 mil automóveis e comerciais leves vendidos, seguida por Fiat, com 29,5 mil e Volkswagen, com 18,6 mil. 

Os dez modelos mais vendidos no mês foram:

Chevrolet Onix (12,4 mil unidades)

Hyundai HB20 (10,2 mil)

Ford Ka (7 mil)

Fiat Palio (6,7 mil)

Renault Sandero (6,6 mil)

Toyota Corolla (6 mil)

Fiat Strada (6 mil)

Chevrolet Prisma (5,8 mil)

Honda HR-V (4,9 mil)

Volkswagen Gol (4,5 mil)

Mais conteúdo sobre:
Fiat Volkswagen

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.