Vendas da indústria do Rio caíram 10,1% em fevereiro

As vendas da indústria do Rio caíram 10,1% em fevereiro, em comparação com o mesmo mês do ano anterior. No acumulado do ano, a queda já chega a 9,8%. É o terceiro mês seguido de queda, segundo a chefe da assessoria de pesquisa econômica da Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan), Luciana Sá, mas a perspectiva é que a tendência se reverta nos próximos meses, devido à recuperação norte-americana e ao descolamento da crise argentina. A economista usou dados como o aumento da capacidade instalada da indústria carioca em fevereiro, de 76,8% para 77,7% na comparação com fevereiro de 2001, e o pessoal ocupado, que manteve a tendência estável, com queda de apenas 0,05% na comparação com janeiro. Os grandes destaques da economia do estado em fevereiro foram os setores de minerais não metálicos, que cresceu 38,16% na comparação com fevereiro do ano passado, e material de transporte - crescimento de 22,6% na comparação com janeiro deste ano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.