Vendas de caminhões devem crescer 26,7% em 2007

As vendas de caminhões no mercado interno brasileiro devem somar 96,6 mil unidades em 2007, segundo a média das previsões de cinco montadoras, entre elas a Scania, Mercedes-Benz, Iveco e Volkswagen. Se concretizado, o número representará um crescimento de 26,7% em relação ao registrado em 2006. A projeção mais otimista é a da Scania, que prevê um mercado total de 103 mil unidades. A Volkswagen, por sua vez, tem a previsão mais baixa, de 93 mil unidades. Segundo os executivos, o crescimento do setor está sendo puxado pelo crescimento da economia, redução das taxas de juros, pela retomada do setor agrícola e crescimento do setor de construção, além do aumento da oferta de crédito. A média da previsão das montadoras aponta para uma produção total de 133,4 mil unidades em 2007 e de 146,8 mil unidades em 2008. Em 2006, as montadoras produziram 105,5 mil unidades.Para o mercado de ônibus, a média das previsões apresentadas pela Scania, Mercedes e Volkswagen é de um mercado de 24 mil unidades, o que representará uma evolução de 21,8% em relação ao registrado no ano passado. Para 2008 a expectativa média das três montadoras é de que as vendas alcancem 25,6 mil unidades. Os números foram apresentados hoje no seminário "Perspectivas 2008 para o setor Automotivo", realizado pela Autodata.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.