Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Vendas de imóveis novos e usados crescem nos EUA

O número de imóveis residenciais usados vendidos nos Estados Unidos em abril subiu inesperadamente ao quinto maior nível já registrado pela Associação Nacional dos Corretores de Imóveis. As vendas cresceram 5,6% em abril, para a média anual de 5,84 milhões de unidades. Analistas previam a média das vendas em 5,70 milhões de unidades. "A confiança dos consumidores melhorou diante da brevidade da ação militar dos EUA no Iraque, as taxas de juro ao setor imobiliário têm caído a patamares historicamente baixos e as vendas de novas residências subiram forte em março", justificou o economista-chefe da Associação, David Lereah. Segundo ele, a elevação nas vendas em abril era previsível, já que as más condições climáticas depreciaram as vendas em março. Imóveis novos As vendas de imóveis novos aumentaram surpreendentemente em abril nos Estados Unidos, sinalizando que o turbinado setor imobiliário continua forte. O Departamento do Comércio informou que houve um aumento de 1,7% no número de imóveis novos vendidos, para uma média anualizada de 1,028 milhões, o segundo nível mais elevado já registrado pelo órgão. O vigor do setor surpreendeu Wall Street, uma vez que o consenso entre economistras consultados pela Dow Jones era que as vendas caíssem em 2,2%, para 990 mil unidades. O setor imobiliário tem se mantido isolado das turbulências que atingem a economia ampla dos Estados Unidos. As taxas de hipotecas em níveis historicamente baixos têm mantido o interesse pelos imóveis. O departamento informou ainda que o estoque de imóveis ofertados no mercado levaria 3,9 meses para se esgotar em abril, abaixo do período de 4,1 em março. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.