Vendas de moradias novas nos EUA sobem 1,6% em novembro

Esse é o terceiro mês consecutivo de alta. Economistas ouvidos pela Dow Jones esperavam um ganho maior, de 2,6%

Álvaro Campos, da Agência Estado,

23 de dezembro de 2011 | 13h28

As vendas de imóveis residenciais novos nos EUA subiram 1,6% em novembro ante outubro, para a taxa anual sazonalmente ajustada de 315 mil, segundo dados do Departamento de Comércio. Esse é o terceiro mês consecutivo de alta. Economistas ouvidos pela Dow Jones esperavam um ganho maior, de 2,6%. Na comparação com novembro do ano passado, as vendas avançaram 9,8%.

O relatório também mostra que o preço mediano de uma moradia caiu 2,5% na comparação com novembro de 2010. Mas com os construtores ainda pessimistas, o número de novas moradias à venda no fim de novembro caiu para a mínima recorde de 158 mil. Esse estoque demoraria 6,0 meses para ser esgotado, com base nos níveis atuais de venda. Em outubro, esse estoque era equivalente a 6,2 meses.

Na divisão por regiões, os dados sobre as vendas de moradias novas em novembro são mistos. As vendas subiram 7,5% no Meio-Oeste e avançaram 12,9% no Sul. As vendas caíram 26,3% no Nordeste e recuaram 16,9% no Oeste. As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.