Vendas do comércio em agosto caem 5,9% ante 2002

As vendas do comércio ampliaram a trajetória de queda em agosto com redução de 5,9% ante igual mês do ano passado. Em julho, a queda nessa base de comparação era de 4,4%. As vendas do setor estão em queda há 9 meses, com resultados negativos desde dezembro de 2002 e já acumulam no ano, até agosto, redução de 5,49% e, em 12 meses, de 4,15%. Por outro lado, a receita nominal de vendas permanece em alta refletindo reajustes de preços e cresceram 11,3% em agosto ante o mesmo mês do ano passado, acumulando no ano, em oito meses, aumento de 14,53%. Em agosto, todas as atividades do varejo pesquisadas pelo IBGE apresentaram queda nas vendas ante igual mês do ano passado com destaque para combustíveis e lubrificantes (-8,85%). A maior influência de queda continuou com hipermercados, supermercados e produtos alimentícios, que responde por cerca de 30% da pesquisa e apresentou redução nas vendas de 5,76% em agosto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.