Vendas do Dia da Crianças devem crescer

As vendas de brinquedos para o Dia da Criança devem crescer 15% este ano na comparação com o ano passado, segundo previsão da Associação Brasileira dos Fabricantes de Brinquedos (Abrinq). A entidade estima que serão comercializadas 80 milhões de unidades, gerando uma receita de R$ 400 milhões. O valor é 8% maior que o obtido em 99 e deve corresponder a 45% do faturamento de 2000 do setor, projetado em R$ 900 milhões. A rede Ri Happy, que tem 47 lojas no País, espera um incremento de 4% a 5% em relação a 1999. O diretor comercial, Ricardo Sayon, acredita que os lançamentos de produtos com grande apelo, como a linha de brinquedos do Digimon e da Pequena Sereia 2, além do patinete de alumínio, devem estimular as vendas.A Microsoft está lançando seis novos games visando exclusivamente a data. Os produtos serão apresentados amanhã. Entre as novidades, estão Age of Empires II - The Conqueros Expansion, Combat Flight Simulator II, Midtown Madness II e Sidewinder Game Voice, além de três versões de SideWinder Joystick.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.