Vendas no varejo crescem 1,3% em novembro nos EUA

As vendas no varejo dos Estados Unidos subiram 1,3% em novembro, informou hoje o Departamento de Comércio do país. O resultado superou a previsão média dos analistas, que era de alta de 0,7%. Já as vendas de outubro foram revisadas da expansão de 1,4%, anunciada originalmente, para uma alta de 1,1%.

MARCÍLIO SOUZA, Agencia Estado

11 de dezembro de 2009 | 12h10

De acordo com o Departamento de Comércio, as vendas de automóveis e autopeças aumentaram 1,6% em novembro. Excluindo automóveis, as vendas cresceram 1,2%, mais que a previsão média dos analistas, de alta de 0,4%. Em outubro, as vendas de automóveis e autopeças haviam avançado 7,1%.

As vendas dos postos de gasolina no mês passado subiram 6,0%, em parte por conta do aumento do preço dos combustíveis. Excluindo gasolina e carros, as vendas de outros varejistas aumentaram 0,6% em novembro, o que representa o quarto ganho mensal consecutivo.

No setor imobiliário, os resultados vieram divergentes. As vendas de móveis caíram 0,7%, enquanto as de material de construção e itens de jardinagem aumentaram 1,5%. As vendas de alimentos e bebidas subiram 1,0%. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
vendasvarejoEstados Unidos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.