Vendas no varejo da Alemanha têm forte recuperação em outubro

As vendas no varejo da Alemanha tiveram forte recuperação em outubro, após queda acentuada em setembro, à medida que o consumo privado que se tornou vital para o crescimento da maior economia da Europa mostrou sinais de força renovada.

REUTERS

28 de novembro de 2014 | 07h25

Segundo informou o Escritório Federal de Estatísticas nesta sexta-feira, as vendas no varejo subiram 1,9 por cento em outubro em termos reais sobre setembro e avançaram 1,7 por cento na comparação anual, superando a previsão de expansão mensal de 1,5 por cento.

O escritório também informou uma revisão para setembro, informando que as vendas no varejo caíram 2,8 por cento em termos reais sobre agosto, ante os 3,2 por cento divulgados anteriormente. Os dados de vendas no varejo são notoriamente voláteis.

Um aumento acentuado do consumo privado ajudou a impulsionar o crescimento do terceiro trimestre da Alemanha, com aumento de 0,7 por cento na comparação trimestral, maior avanço em três anos. O consumo geral contribuiu com 0,5 ponto percentual para o crescimento e mais do que compensou a fraqueza dos investimentos.

O Produto Interno Bruto (PIB) da Alemanha cresceu 0,1 por cento no terceiro trimestre, com ajuste sazonal.

Tudo o que sabemos sobre:
MACROALEMANHAVAREJO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.