Vendas no varejo dos EUA crescem 1% em maio

As vendas do varejo norte-americano cresceram 1% em maio, de acordo com dados divulgados hoje pelo Departamento do Comércio dos EUA. Excluindo as vendas do setor automotivo, o aumento foi de 1,2%. Os dois dados mostram que a economia dos EUA não está tão ruim quanto se temia, já que superaram as previsões. Economistas previam alta de 0,5% para o dado cheio e elevação de 0,7%, quando excluído o movimento das concessionárias de veículos.Além dos dados de maio, o Departamento do Comércio dos EUA revisou para cima os números das vendas do varejo em abril, indicando que houve aumento de 0,4% no índice cheio e de 1% no dado excluindo o setor automotivo. Os dados originalmente divulgados haviam apontado queda de 0,2% no dado cheio e 0,5% quando e excluído o movimento das concessionárias de veículos.Em maio, as vendas de materiais de construção e suprimentos para jardinagem deram um salto de 2,4%, enquanto as lojas de móveis registraram crescimento de 0,4% e as de eletrônicos, de 0,7%. Nas lojas de vestuário, as vendas aumentaram 0,5%, enquanto as vendas nas lojas de produtos para cuidados pessoais e produtos de saúde subiram 0,8%. As vendas nas lojas de bebidas e alimentos cresceram 0,4% e em restaurantes e bares, 0,8%. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.