Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Vendas pelo crediário ficam abaixo das expectativas em dezembro

A Associação Comercial de São Paulo (ACSP) divulgou hoje que as vendas a crediário, em dezembro, cresceram 3,2%, em relação a igual mês de 2003. O presidente da ACSP, Guilherme Afif Domingos, explicou que o incremento ficou aquém da expectativa do comércio paulistano, que estimava aumento entre 6% e 7% neste mês, em comparação com dezembro do ano passado. "Este é o nosso alerta principal de que o consumidor é sensível à alta da taxa de juros. E aponta que o início de 2005 será de retraimento", avaliou.Conforme a aferição do Serviço Central de Proteção ao Crédito da ACSP, o incremento médio geral do volume de consultas em 2004 foi de 6%, em relação a 2003. Este indicativo informa o aquecimento ou recuo das vendas de bens duráveis. Por isso, o crescimento menor do que o esperado do número de consultas é um indicativo também de que os estoques na indústria de bens duráveis, como eletroeletrônicos e eletrodomésticos das linhas branca e marrom, estão acima do que era esperado para o início do ano. Guilherme Afif Domingos afirmou que a expectativa para o início do próximo ano é de promoções de produtos das linhas de bens duráveis.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.