carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Venezuela confisca fábrica de massas da Cargill

O governo da Venezuela ordenou o confisco de uma fábrica de massas da Cargill por 90 dias, reforçando seu controle sobre o setor de alimentos do país. A Venezuela alega que a companhia norte-americana não está atingindo as cotas de produção de mercadorias com preços regulados. A Venezuela acusa a companhia norte-americana de não cumprir regulamentações que determinam que a empresa deve dedicar 70% de sua produção a itens com preço limitado, segundo informou a agência de notícias estatal ABN.

DANIELLE CHAVES, Agencia Estado

15 de maio de 2009 | 14h06

Rafael Coronado, vice-ministro para alimentos do país, afirmou que apenas 49% da produção da Cargill está sendo destinada a um tipo de massa que tem preços controlados. Em março, o presidente da Venezuela, Hugo Chávez, ordenou a expropriação de fábricas de arroz da Cargill e acusou companhias do setor de tentarem criar uma deficiência de alimentos. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
alimentosconfiscoVenezuela

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.