Venezuela discutirá petróleo com sauditas e mexicanos

O ministro do Petróleo da Venezuela, Rafael Ramirez, disse que se reunirá com os Ministros do Petróleo do México e da Arábia Saudita para discutir as condições do mercado de petróleo antes do encontro da Opep em 4 de dezembro. "Não marcamos uma data para o encontro, mas nos reuniremos antes de 4 de dezembro", disse Ramirez. "Não acreditamos ser necessário elevar a produção", disse Ramirez. Segundo ele, a Opep pode ter de reduzir a produção do grupo para evitar uma quebra nos preços no começo de 2004. "Manter a produção pode ser outra opção, mas certamente não elevá-la", afirmou. A Venezuela, México e Arábia Saudita reuniram-se em outras ocasiões, como no início de 1999, quando cortaram sua produção para recuperar os preços do petróleo no mercado global. No mês passado, a Opep decidiu reduzir o teto de produção do cartel em 900 mil barris por dia, a partir de 1º de novembro. Desde o anúncio da decisão, os preços do petróleo subiram cerca de 13%, mas há temor de que a elevada oferta de petróleo pelos países não-membros da Opep e a retomada do fluxo iraquiano possam prejudicar os preços no começo do ano que vem. A Opep vem tentando convencer os países não-membros a acompanhar as decisões do grupo para reduzir a produção de petróleo. Ramirez deve reunir-se com o Ministro do Petróleo da Noruega ainda hoje.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.