finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Versace prevê entrada de novo investidor até o Natal

Um novo investidor deve comprar uma participação na casa italiana de moda Versace até o Natal, disse o presidente e acionista da empresa, Santo Versace, nesta quinta-feira.

Reuters

28 de novembro de 2013 | 16h34

"É provável até o Natal, mas se for em 15 de janeiro nada muda. Um primeiro passo foi dado, agora outros devem seguir", disse Versace.

Ele disse que listagem em bolsa foi considerada no passado e que poderia ser uma opção novamente no futuro.

"No momento o melhor é impulsionar o crescimento em uma companhia que é avaliada acima de um bilhão de euros e poderia valer três vezes mais em três anos."

O grupo de produtos de luxo planeja vender uma participação de cerca de 20 por cento.

(Por Gianluca Semeraro)

Tudo o que sabemos sobre:
EMPRESASVERSACEVENDA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.