Violência suspende operações de mercados no Quênia

O mercado de câmbio e a bolsa devalores do Quênia suspenderam as negociações nestaquinta-feira, em meio à violência pós-eleitoral no país. Apolícia luta contra manifestantes que tentam realizar umcomício antigoverno na capital Nairóbi. O mercado de câmbio fechou por volta de meio-dia (7h,horário de Brasília), depois de a polícia ter pedido às pessoasque deixassem o centro de Nairóbi, contou um operador. A violência também levou o mercado de ações a paralisar asoperações uma hora após a abertura. Um operador contou que muitos de seus colegas ficaram emcasa, temendo derramamento de sangue na manifestação convocadapelo partido do líder da oposição Raila Odinga. Os confrontos que já mataram mais de 300 pessoas seguem-seà contestada vitória do presidente Mwai Kibaki nas eleiçõespresidenciais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.