finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Vivo leva atendimento a cliente corporativo para lojas

A Vivo apresentou hoje em Ribeirão Preto, interior paulista, o projeto-piloto de atendimento de clientes corporativos em lojas de varejo da companhia. De acordo com Agostinho Balbino, diretor-geral da Vivo Empresas, o projeto é inédito entre as operadoras de telefonia celular no Brasil e até o final do ano deve ser implementado em uma unidade na capital paulista. "Depois de Ribeirão Preto, vamos aos principais mercados paulistas, como as regiões da capital, Campinas, São José do Rio Preto e o litoral", disse Balbino.De acordo com o executivo, a unidade visa atender principalmente o pequeno e o médio empresário e as duas principais vantagens da loja são o fato de o cliente poder buscar um plano corporativo durante os finais de semana e ainda, em caso de contratação do serviço, receber os aparelhos em um prazo máximo de duas horas. "Hoje, normalmente, o cliente espera entre 10 e 15 dias pelo aparelho quando faz um plano corporativo via consultor", afirmou Carlos Alexandre Cipriano, diretor da regional São Paulo da Vivo.Além do atendimento durante a semana, das 8h30 às 20h30, a loja da Vivo de Ribeirão Preto atende das 9 horas às 20 horas, aos sábados, e das 10 horas às 18 horas, aos domingos. "No futuro, queremos incentivar também os nossos representantes independentes a abrirem lojas como essas para o atendimento de clientes corporativos", explicou Balbino.

GUSTAVO PORTO, Agencia Estado

22 de agosto de 2007 | 12h31

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.