Volkswagen tem lucro após impostos de € 4,03 bilhões

Resultado foi favorecido pelo aumento na venda de veículos e, em especial, pela forte demanda chinesa 

Álvaro Campos, da Agência Estado,

22 de outubro de 2010 | 14h04

A montadora alemã Volkswagen divulgou que seu lucro e receita tiveram uma forte alta nos nove primeiros meses do ano, impulsionados pelo aumento na venda de veículos. A empresa confirmou que em 2010 o lucro, a receita e o lucro operacional devem subir significativamente, em meio a uma forte demanda, em especial da China.

O lucro da Volkswagen após impostos no período de janeiro e setembro deste ano subiu para € 4,03 bilhões, de € 655 milhões no mesmo período de 2009. A receita avançou para € 92,55 bilhões, quase 20% acima dos € 77,16 bilhões do ano passado.

O lucro operacional nos três primeiros trimestres do ano aumentou para € 4,83 bilhões, mais do que o triplo dos € 1,52 bilhão registrados no mesmo intervalo do ano anterior. O lucro antes de impostos foi de € 5,44 bilhões, de € 1,07 bilhão em 2009.

A montadora afirmou que seu lucro antes de impostos foi impulsionado por € 863 milhões em contribuições de investimentos de equivalência patrimonial - que incluem joint ventures no crescente mercado chinês - e pelas opções de compra e venda relacionadas à aquisição da marca de carros esportivos Porsche.

A Volkswagen, que também é dona das marcas Audi, Skoda, Seat e Bentley, disse este ano que quer superar a japonesa Toyota e se tornar a maior montadora do mundo. A empresa alemã alertou, no entanto, que o crescimento deve desacelerar um pouco no último trimestre de 2010. A previsão reflete recentes comentários de executivos da companhia de que as maiores montadoras do mundo começaram a observar sinais de fragilidade, após meses de alta nas vendas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.