Volvo tem lucro 12% maior no primeiro trimestre

A Volvo, a segunda maior fabricante de caminhões do mundo por receita depois da Daimler AG, anunciou nesta sexta-feira que seu lucro líquido cresceu 12% no primeiro trimestre, à medida que a forte demanda européia compensou a contínua desaceleração das vendas nos Estados Unidos.A companhia disse que o lucro líquido nos três primeiros meses do ano foi de 4,2 bilhões de coroas suecas (US$ 705,6 milhões), alta em relação aos 3,75 bilhões de coroas suecas no mesmo período de 2007 e acima da estimativa de 3,97 bilhões de coroas suecas. A receita cresceu 26%, para 6,68 bilhões de coroas suecas (US$ 1,12 bilhão), acima das previsões de 74,08 bilhões de coroas suecas."A nossa expansão em mercados emergentes como Europa Oriental e Ásia, entre outros, mais que compensou a tendência de queda na América do Norte", disse o chefe executivo da companhia, Leif Johansson, em nota.O lucro operacional cresceu 22%, para 6,49 bilhões de coroas suecas (US$ 1,07 bilhão), acima das estimativas de 5,92 bilhões de coroas suecas.A Volvo, que fabrica caminhões com as marcas Renault, Nissan Diesel e Mack, reiterou suas estimativa de vendas na América do Norte de um crescimento estável em 2008 na comparação com 2007.As ações da companhia encerraram o pregão de ontem da Bolsa de Estocolmo em queda de 2%, cotadas a 87,50 coroas suecas (US$ 14,71). As ações da Volvo caíram 25% nos últimos seis meses, abaixo do desempenho do mercado, à medida que temores sobre uma desaceleração econômica global afetam as ações do setor de transportes. As informações são da Dow Jones

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.