seu bolso

E-Investidor: O passo a passo para montar uma reserva de emergência

Votorantim investe em empresa de biotecnologia

A Votorantim Venture, braço do Grupo Votorantim, que trabalha em capital de risco e investe na criação e desenvolvimento de empresas inovadoras no Brasil, irá direcionar R$ 30 milhões em uma nova empresa de biotecnologia brasileira, a Ale llyx. A empresa terá cinco cientistas brasileiros como sócios. O grupo já trabalha com sequenciamento de genes em diversos projetos. Eles contarão com laboratórios próprios, que serão montados com a verba investida pela Votorantim Venture. O dinheiro também será destinado ao custeio de projetos de pesquisas. O objetivo da nova empresa é gerar produtos de patentes brasileiros a partir dos dados obtidos em vários projetos de genomas desenvolvidos no País. Inicialmente, a empresa pesquisará tecnologia nas áreas de agricultura e agroindústria, focando as culturas de laranja, cana-de-açúcar, eucalipto, uva e soja, espécies que já se destacaram no sequenciamento do genoma. O laboratório de bioinformática iniciará as atividades imediatamente. Já o laboratório de biologia molecular aguarda a chegada de equipamentos para o início das pesquisas. A empresa terá uma equipe de cerca de 50 profissionais, sendo 40 pesquisadores. Os cientistas Paulo Arruda, Jesus Aparecido Ferro , João Carlos Setúbal, João Paulo Kitajima e Ana Cláudia Rasera da Silva, originados da USP, Unesp e Unicamp, são os sócios da empresa. O presidente interino na Alellyx será Fernando Reinach, cientista e diretor-executivo da Votorantim Venture.

Agencia Estado,

13 de março de 2002 | 10h46

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.