Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Votorantim Metais vai investir R$ 763 mi em MG

A Votorantim Metais vai investir R$ 763 milhões para aumentar a capacidade de produção de zinco das unidades de mineração e metalurgia nas regiões de Vazante e Três Marias, em Minas Gerais. O anúncio foi feito ontem por executivos do grupo em audiência com o governador mineiro, Aécio Neves.Os recursos serão aplicados em duas frentes. A companhia vai ampliar a extração de zinco na mina de Vazante, considerada a maior do País, e expandir a unidade metalúrgica de Três Marias - saindo de 180 mil para 260 mil toneladas de zinco por ano. Além disso, vai começar a explorar uma nova mina - a Mineração Ariense (Masa) - vizinha à de Vazante, cuja massa falida foi comprada há dois anos pelo grupo. "Na ocasião, nós nos obrigamos a fazer uma pesquisa para dimensionar o tamanho da reserva, o que já foi feito. Essa mina vai acrescentar 50 mil toneladas à nossa produção", afirma o diretor-superintendente da Votorantim Metais, João Bosco Silva. "Os investimentos fazem parte da nossa estratégia de estar entre os maiores produtores do mundo." O zinco é muito usado para proteger o aço e o ferro contra a corrosão. Tem aplicações também na indústria de cerâmica e de tinta.Com os novos investimentos, a produção anual da companhia sairá dos atuais 550 mil toneladas para 876 mil toneladas, o que consolida a posição da Votorantim como terceiro maior produtor de zinco do mundo, atrás da americana NY Star e da Korea Zinc, da Coréia do Sul. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.