Votorantim se prepara para exportar US$ 1 bilhão em 2004

O Grupo Votorantim se prepara para exportar o montante de US$ 1 bilhão em 2004, disse hoje o empresário Antonio Ermírio de Moraes, presidente do Conselho de Administração do Grupo. "Estamos nos transformando em um grupo exportador, que atende também as necessidades do mercado interno, de forma competitiva", disse Ermírio. ?Hoje é fundamental que se tenha um pé no exterior e outro no Brasil, para que se tenha sempre uma forma de gerar receitas, com dificuldades externas ou internas. É assim que se deve funcionar uma administração moderna", explicou o empresário. Segundo Ermírio, este ano já houve um aproveitamento da competitividade do produto nacional nas exportações. "Inicialmente até pensávamos em ficar em US$ 500 milhões em exportações em 2003. Ou seja, iríamos repetir o resultado de 2002. Mas, posteriormente já refizemos esta expectativa para US$ 600 milhões e agora estamos na marca de US$ 700 milhões, para então em 2004 se chegar a marca de US$ 1 bilhão". O Grupo Votorantim é exportador de vários produtos, que vão desde os metais, com o alumínio, como outros de maior valor agregado. Também há exportações na área de celulose e papel e de suco de laranja.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.