Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

VRG quer resgatar debêntures

O juiz Luiz Roberto Ayoub, titular da 1.ª Vara Empresarial do Rio, responsável pela recuperação judicial da Varig antiga, planeja fazer uma espécie de licitação para elevar o valor que a nova Varig pretende pagar por um resgate antecipado de papéis de dívida (debêntures) para amortizar dívidas da Varig antiga, que permanece em recuperação judicial.Segundo Ayoub, a nova Varig, cuja razão social é VRG, manifestou na terça-feira desejo de desembolsar R$ 88 milhões em duas séries de debêntures emitidas pela VRG. Pelo plano de recuperação judicial, o resgate desses papéis poderia ser realizado no prazo de 10 anos por R$ 50 milhões cada série. A nova Varig foi procurada, mas não retornou até o fechamento desta edição.A VRG, portanto, pretende pagar R$ 44 milhões pelo resgate antecipado das duas séries de debêntures, uma voltada para os trabalhadores e outra para os credores com garantia real. ''''É um bom papel. Qualquer empresa pode ter interesse em fazer o resgate'''', disse Ayoub. No total, a Varig antiga acumula dívida de R$ 7 bilhões.

Alberto Komatsu, O Estadao de S.Paulo

27 de setembro de 2007 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.