carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Wal-Mart substitui executivos na China

A varejista norte-americana Wal-Mart agiu rapidamente para substituir dois de seus principais executivos na China, que haviam pedido demissão de seus cargos no último dia 21. Mario José Medina foi escolhido para o posto de diretor de operações no país e Del Sloneker, para o de diretor de operações.

MARCÍLIO SOUZA, Agencia Estado

29 de maio de 2011 | 17h38

Medina entrou para a companhia em 2007 e trabalhou como diretor de finanças da Wal-Mart em Porto Rico e no Chile, enquanto Sloneker era vice-presidente sênior. "Os dois executivos trazem consigo anos de experiência e um sólido entendimento do mercado varejista da China", afirma comunicado da companhia.

O ex-diretor financeiro, Roland Lawrence, e o de operações, Rob Cissell, pediram demissão de seus cargos para "explorar outras oportunidades", disse um porta-voz da Wal-Mart na época. Eles não foram encontrados pela reportagem para comentar o assunto.

Na semana passada, a varejista anunciou o adiamento para janeiro da conclusão de um acordo para assumir total controle da rede chinesa Trust-Mart. Essa foi a segunda vez em que o acordo, anunciado no ano passado, foi adiado. A Wal-Mart comprou uma fatia de 35% na Trust-Mart, que pertencia à Bounteous Company Ltd., em 2007. Um porta-voz da varejista disse que os pedidos de demissão não tinham a ver com isso. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Wal-MartexecutivosChina

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.