Wikimedia Commons
Wikimedia Commons

Walmart prevê investir cerca de R$ 1 bilhão no Brasil em 2016

De acordo com o presidente da rede no Brasil, Flavio Cotini, a companhia tem investido em melhorias nas lojas do grupo no País

Dayanne Sousa, O Estado de S. Paulo

05 de abril de 2016 | 16h28

SÃO PAULO - Embora tenha feito cortes com fechamento de lojas, o Walmart Brasil calcula ter investido mais de R$ 1 bilhão no País ao longo do último ano e acredita em um patamar próximo para 2016. A informação foi dada pelo presidente da rede no Brasil, Flavio Cotini. Ele participou de evento da Amcham Brasil, em São Paulo.

O executivo afirmou que a rede teve que fechar lojas com baixo desempenho, as quais representavam cerca de 5% das vendas totais. Foram 60 lojas fechadas no País, segundo anunciou o grupo em janeiro. "Não é fácil tomar uma decisão dessa, mas no varejo nós temos que rever a eficiência das lojas", declarou. 

Segundo ele, a companhia tem investido em melhorias nas lojas e integração dos sistemas das diferentes bandeiras do grupo no País. "Investimos em reforma de lojas, equipamentos mais eficientes em termos de consumo de energia e melhor exposição dos produtos pra tornar a experiência de compra mais conveniente", afirmou. 

O Walmart tem atualmente 485 lojas o Brasil e é o terceiro maior grupo de supermercados, segundo ranking da Associação Brasileira de Supermercados (Abras). O grupo fechou 2015 com uma receita bruta de R$ 29,3 bilhões, recuo de 1,1% ante 2014 e uma queda de 0,76 ponto em participação de mercado.

Tudo o que sabemos sobre:
Walmart

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.