Zoellick diz esperar boa relação com próximo governo do Brasil

O ministro do Comércio Exterior dos Estados Unidos (USTR), embaixador Robert Zoellick, disse hoje que seu país vê "o Brasil como um parceiro para o longo prazo" e que ele "espera ter uma boa relação de trabalho com o próximo governo". Acompanhado pelo chanceler brasileiro, Celso Lafer, a quem ofereceu um almoço na sede do USTR, Zoellick evitou fazer comentários a respeito do impacto das eleições presidenciais sobre as negociações para a criação da Área de Livre Comércio das Américas. "Eu já participei de processos eleitorais no meu país e acho que é apropriado operar com sensibilidade, porque as questões relacionadas ao comércio e à globalização são tópicos controversos", afirmou.Lafer e Zoellick discutiram várias questões pendentes sobre a Alca e aspectos práticos relacionados à presidência conjunta das negociações. Eles retomaram as conversas à tarde, depois de uma breve pausa para conversar com os jornalistas. Ambos confirmaram que as diferenças entre os dois países ainda não foram superadas num ponto essencial, relacionado ao formato das negociações sobre redução de tarifas.O Brasil quer que todos os países trabalhem a partir de uma mesma proposta, válida para os 34 países membros do futuro acordo, diferenciando-a apenas para as pequenas economias. Já os EUA preferem ter maior flexibilidade, para que cada governo possa fazer ofertas distintas. Na prática, a proposta defendida por Washington permitiria aos EUA fazer vários acordos bilaterais paralelos sob a proteção da Alca - o que segundo diplomatas brasileiros aumentaria o poder de barganha norte-americano e diminuiria o do Brasil.Zoellick desestimulou especulações sobre o interesse dos EUA em um possível acordo bilateral de comércio com o Brasil, alimentadas por um artigo que o editor da revista Foreign Policy, Moises Naim, publicou recentemente no Financial Times. O encontro concluiu a visita de dois dias que Celso Lafer fez a Washington, provavelmente a última como chanceler. Na quinta-feira, ele conversou com a conselheira de segurança da Casa Branca, Condoleezza Rice. Lafer embarca hoje para uma visita oficial a Havana.

Agencia Estado,

20 de setembro de 2002 | 18h07

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.