Zuanazzi volta atrás e depõe sobre venda da Varig na quarta

Ex-presidente da Anac havia anunciado antes que não compareceria à audiência com Denise Abreu no Senado

Cida Fontes, de O Estado de S. Paulo,

10 de junho de 2008 | 17h44

Após anunciar, no começo do dia, que não compareceria à audiência com Denise Abreu no Senado nesta quarta-feira, o ex-presidente da Anac Milton Zuanazzi voltou atrás e confirmou sua presença. Segundo o presidente da comissão de Infra-estrutura, Marconi Perillo, porém, Zuanazzi solicitou ao Senado proteção física para participar.  Veja também:Dilma repassa argumentos contra depoimento de Denise AbreuPSDB vai reagir a manobras da base aliada contra Denise AbreuLula diz que denúncias sobre venda da Varig são 'abomináveis'MPF vai investigar sócios da VarigTurbulências da Varig   Na reunião, serão discutidas as denúncias da ex-diretora da Agência sobre o suposto favorecimento da ministra da Casa Civil, Dilma Roussef, na operação da venda da Varig, revelado pelo Estado. Perillo disse que não há um horário definido para que a reunião da Comissão termine. O início da audiência pública está marcado para as 10 horas. Segundo ele, a intenção é ouvir individualmente cada um dos depoentes. O senador informou que encaminhou requerimento à polícia do Senado pedindo proteção a Zuanazzi e também a Denise Abreu, que alegou que levaria para a reunião documentos importantes. Denise temia que tais documentos fosse extraviados. Marconi Perillo informou que também telefonou ao presidente da Tam, Davi Peroni, para que tomasse providências com a segurança Denise Abreu durante o seu embarque em São Paulo e desembarque em Brasília. Estão confirmadas na Comissão, além de Denise e Zuanazzi, as participações do também ex-diretor Leur Lomanto e do ex-procurador geral da Anac João Ilídio de Lima Filho. O juiz Luiz Roberto Ayoub, que presidiu o processo da compra da Varig, comunicou que não virá à Comissão.

Tudo o que sabemos sobre:
AnacDenise AbreuVarig

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.