Divulgação
Divulgação

Fazenda e IBGC fecham acordo para seleção de conselheiros em estatais

Instituto irá apoiar na escolha de membros independentes dos conselhos de administração das empresas vinculadas à pasta

Idiana Tomazelli, O Estado de S.Paulo

27 Abril 2018 | 20h09

BRASÍLIA - O Ministério da Fazenda celebrou um acordo de cooperação com o Instituto Brasileiro de Governança Corporativa (IBGC) para obter apoio na seleção de membros independentes dos Conselhos de Administração das empresas estatais vinculadas à pasta, o que inclui Caixa e Banco do Brasil.

+ Emílio deixa a Odebrecht após 20 anos

O IBGC disponibilizará à Fazenda um conjunto de currículos de profissionais certificados pelo instituto que se enquadre nos perfis buscados pelo órgão, sem custo para a administração pública.

O Ministério não será obrigado a escolher entre os candidatos oferecidos pelo IBGC e poderá selecionar currículos obtidos de outra forma. O instituto não terá exclusividade no processo de seleção dos conselheiros independentes.

+ Despedida 'é apenas um até logo', diz Abilio sobre saída da BRF

"A Fazenda poderá celebrar acordos semelhantes com outras entidades que manifestem interesse em colaborar com o Ministério nos mesmos termos aceitos pelo IBGC", informou a pasta em nota.

Pelo acordo de cooperação com o IBGC, os Conselhos de Administração das empresas vinculadas ao Ministério também poderão obter currículos para o preenchimento das vagas dos Comitês de Auditoria.

+ Novo Código de Governança Corporativa provoca mudanças em empresas brasileiras

"O Ministério da Fazenda reafirma seu compromisso com o desenvolvimento da governança das empresas estatais, buscando a seleção de conselheiros de administração independentes com elevado preparo técnico, escolhidos de maneira objetiva e impessoal", disse a pasta.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.