Marcos de Paula/Estadão
Marcos de Paula/Estadão

Petrobrás reafirma que espera divulgar resultados o mais breve possível

Em nota, estatal informou que está implementando ações para a preservação do caixa e redução da alavancagem, além da revisão do planejamento financeiro

Luana Pavani, O Estado de S. Paulo

26 Fevereiro 2015 | 15h40

Em comunicado à imprensa nesta quinta-feira, sobre a revisão da classificação de risco da estatal pela agência Moody's, a Petrobrás reforçou que trabalha para a divulgação dos resultados financeiros de 2014 "o mais brevemente possível".

Na terça-feira (24), quando a Moody's anunciou o rebaixamento, a companhia já havia se manifestado, via comunicado ao mercado, afirmando não possuir covenants (cláusula de compromisso) relacionados ao rebaixamento de rating por parte das agências classificadoras de risco ou relacionados a rating abaixo da classificação "grau de investimento".

No informe distribuído há pouco, a Petrobrás reafirma que está implementando ações para a preservação do caixa e redução da alavancagem; revisando seu planejamento financeiro "e entende que deverá ser necessário reduzir seus investimentos, elevar os desinvestimentos, assim como estudar outras possibilidades de financiamento e de incremento do fluxo de caixa."

A companhia menciona ainda aprimoramento de seus controles internos, com a criação da diretoria de Governança, Risco e Conformidade. Dia ainda que "em suas atividades operacionais, a Petrobrás prossegue na busca da melhoria de seus resultados, como demonstram os sucessivos recordes de produção no pré-sal, no refino e na oferta de gás natural".

Mais conteúdo sobre:
governança petrobrás

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.