Pimco recontrata dois executivos após saída de cofundador

Fonte afirma que executivos Michael Spence e Jeremie Banet voltarão a ocupar cadeiras na companhia

O Estado de S. Paulo

29 de outubro de 2014 | 13h59

NOVA YORK - A Pacific Investment Management Company (PIMCO), que enfrentou a saída do cofundador Bill Gross no mês passado, está trazendo de volta dois executivos que haviam deixado a companhia no início deste ano, de acordo com uma pessoa familiarizada com o assunto. 

A gestora norte-americana nomeará Michael Spence, economista ganhador do Prêmio Nobel, ao cargo de consultor em questões de política macroeconômica e globais, e Jeremie Banet, ex-gestor da carteira, para vice-presidente executivo e gerente de portfólio para as estratégias de retorno real, afirmou a fonte. 

Ambos os executivos já trabalharam na empresa, mas deixaram a PIMCO no início deste ano em meio a mudanças de gestão, incluindo a saída do executivo-chefe Mohamed El-Erian em março. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
governançagestãopimco

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.