Ação da Lopes sai a R$ 37,51 e oferta soma R$ 207 mi

A oferta de ações da LPS Brasil Consultoria de Imóveis (Lopes) movimentou até R$ 207,055 milhões, de acordo com dados encaminhados à Comissão de Valores Mobiliários (CVM). O preço por ação foi definido em R$ 37,51, mesma cotação do fechamento de hoje, quando o papel subiu 1,05%.

VINÍCIUS PINHEIRO, Agencia Estado

21 de outubro de 2010 | 20h06

A Lopes pretende usar os recursos captados com a emissão de ações na compra de 31% da Patrimóvel e para potenciais aquisições. A empresa pretendia inicialmente emitir 4,8 milhões de novas ações. Os dados da CVM mostram que, além do lote principal, foi registrado o suplementar, correspondente a 720 mil papéis, que se não for exercido no prazo de 30 dias reduzirá o valor da oferta para R$ 180,048 milhões.

As novas ações da Lopes estreiam na segunda-feira. O Itaú BBA é o coordenador líder da oferta. O banco atua ao lado BTG Pactual e do Goldman Sachs.

Tudo o que sabemos sobre:
açõesofertaLopesimóveis

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.