Ação da Petrobras pode render mais de 30% até o fim do ano

As ações da Petrobras são uma boa opção de investimento na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), na avaliação da Ágora. A corretora reiterou a recomendação de compra para os papéis da estatal brasileira após a divulgação do Plano de Negócios 2007-2011, com preço-alvo de R$ 56,00, o que representa um potencial de valorização de 30,8% até dezembro deste ano. "Em uma primeira análise, o forte aumento nos investimentos pode trazer alguma preocupação, mas acreditamos que a geração de caixa proveniente dos novos projetos e dos elevados preços do barril do petróleo mais do que compensam esta elevação no capex (programa de investimento", diz o analista Luiz Otávio Broad. De acordo com o novo Plano de Negócios da Petrobras, a previsão de investimentos no período de 2007 a 2011 subiu de US$ 52,4 bilhões para US$ 87,1 bilhões, sendo que 50% do aumento foram destinados para novos projetos, representando US$ 17,4 bilhões. O analista destaca entre os novos projetos o desenvolvimento da produção no campo de Jabuti, no Espírito Santo, a produção de biodiesel, a modernização de refinarias, a atuação na exportação de etanol, a construção de novos navios, os dois projetos para regaseificação de Gás Natural Liquefeito (GNL) e os projetos de exploração, produção e refino no exterior. Broad lembra também que a produção total da Petrobras deverá crescer a uma taxa média de 7,8% ao ano entre 2005 e 2011, estando entre as maiores empresas do setor no mundo em termos de taxas de crescimento da produção no período.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.